fevereiro 19, 2020

Koh Phangan, uma Ilha Cristal

Koh Phanang é conhecida como uma "Ilha Cristal" com grande poder de cura, já que está situada em cima de uma pedra gigante de quartzo rosa. Pedra que amplia as energias e abre ainda mais o chakra do coração.

Esta ilha é muito especial... Viemos cá parar por referência de uns amigos e agora começo a perceber que eles captaram exatamente o que procurava.
Srithanu, em Koh Phanang, é um lugar inacreditável. Parece uma pequena aldeia de brincar, com pessoas de brincar e motas de brincar. No centro da aldeia há sempre uma azáfama enorme e todas estas pessoas parecem correr numa mesma direção: em busca do amor e da (sua) verdade. Este é um dos pontos do mundo onde vem parar gente à procura essencialmente da espiritualidade e de comunidade.

É impressionante como se junta tanta gente diferente com o mesmo objetivo num lugar tão pequeno. É o que torna este lugar tão diverso, rico e tão especial.

Chegámos à Tailândia há 3 semanas e meia e tenho-me sentido muito feliz aqui na ilha.
De facto para mim viajar é essencialmente ter estas experiências e sentir-me parte de uma comunidade. Não é só o yoga, mas são todas as experiências associadas.
Com os workshops que temos feito, fomos conhecendo pessoas na ilha e agora vou na rua e conheço as pessoas e cumprimento. Esta é a parte que gosto mais! Sentir-me uma local.
Cumprimento as pessoas na rua, já sei onde compro a fruta melhor e mais barata, o restaurante que mais gosto e até já faço de "host" a pessoas que chegam à ilha.
Assim como nós fomos "acolhidos" por pessoas que já cá viviam na ilha, que nos deram dicas de como tudo funcionava, agora também nós fazemos o mesmo com uma amiga de uns amigos que cá veio parar e com uns amigos que estão para chegar na próxima 4a feira.
É muito bonita esta corrente de ajuda que se instala no mundo dos viajantes. Os que estão há mais tempo explicam como funciona aos mais novos e depois os mais novos passam a fazer o mesmo com os que chegam de novo, adicionando a sua experiência pessoal.
E como é bom passar por essas fases todas e sentir que também tenho algo a contribuir com a minha vivência e descobertas aqui na ilha!

Os finais de tarde na ilha são sempre especiais, quer estejamos mais numas de encontro com a comunidade, de dançar, cantar ou fazer um comboio de massagens, quer estejamos mais numas de ficarmos sozinhos junto ao mar ou num concerto de mantras.
Há espaço para todos neste pequeno pedaço de paraíso!

Esta estadia está a despertar várias coisas em mim e a nossa relação como casal deu um passo à frente, abrindo um pouco do véu da panóplia de formas de nos ligarmos connosco e com os outros. Já sinto missão cumprida. Aquilo que cá vinha buscar já o consegui. Acima de tudo colmatou algumas das minhas necessidades, deu-me também algumas respostas e um monte de áreas para trabalhar em casa. TPCs para o desenvolvimento pessoal, portanto!



Related Articles

0 comments:

Publicar um comentário

Raquel Ribeiro. Com tecnologia do Blogger.